“Fala com sabedoria, ensina com amor.”
(cf. Pr 31,26)

A Campanha da Fraternidade 2022, com o tema “Fraternidade e educação”, lançada pela CNBB, sinaliza uma grande reflexão sobre o quadro atual e os rumos da educação brasileira. Inspirada escolha, pois a educação tem enormes reflexos econômicos, políticos e sociais.
A educação em nosso país foi marcada, quase sempre, por uma história de desatenção com a instrução às classes populares, o que marcou profundamente a nossa sociedade, promovendo uma enorme desigualdade social e a falta de oportunidades para grande parte da população.
A baixa qualidade da educação em nosso país é registrada constantemente nos péssimos índices obtidos em testes internacionais, numa persistente elevada taxa de analfabetismo e no analfabetismo funcional em grande escala.
A Campanha da Fraternidade 2022 também ressalta sobre a importância da família na escola. Essa participação gera enormes benefícios e possibilita que a escola seja fruto de um projeto comunitário interativo.
Outro destaque da campanha é valorizar a educação humanista, centrada no desenvolvimento de cada ser, com suas características e necessidades, com o olhar afetivo e ético.
Enfim, pertinente e desafiadora, a campanha da fraternidade desse ano é o ensaio de grandes mudanças que são extremamente necessárias para que a educação impulsione transformações sociais contundentes, com reflexos na melhoria da qualidade de vida do povo brasileiro.

Deixe uma resposta